Jurista e educador Joaquim Falcão toma posse na ABL

Site
joaquimfalcao.com.br
digital
November 27, 2018

https://globoplay.globo.com/v/7186062/

Jornal Nacional:

O jurista e educador Joaquim Falcão tomou posse, na noite de sexta-feira (23), na Academia Brasileira de Letras.

A foto oficial da Academia Brasileira de Letras ganhou um novo integrante. O jurista, educador e intelectual Joaquim Falcão é o novo ocupante da cadeira três, que estava vazia desde a morte de Carlos Heitor Cony, em janeiro.

Apontado como um homem de letras, cordial, culto, Joaquim Falcão foi recebido com festa pelos colegas.

“Estou há 34 anos na academia, com o orgulho cada vez maior. E assim, com esse sentimento, nós recebemos o Joaquim aqui na Casa de Machado de Assis”, diz o escritor, jornalista e imortal Arnaldo Niskier.

“Uma vasta cultura e uma capacidade muito grande de inovar, de se aproximar das instituições com espírito inovador. Tudo isso junto faz dele um acadêmico ideal”, afirma a escritora, ensaísta e imortal Rosiska Darcy de Oliveira.

“Bom jurista. Tem um trabalho também de comunicação com a sociedade. Eu acho que ele vai enriquecer a academia”, diz o sociólogo, cientista político e imortal Fernando Henrique Cardoso.

Joaquim Falcão fez um discurso em defesa da Constituição e da democracia. Disse que a ABL é um patrimônio cultural do Brasil e o Estado Democrático de Direito, patrimônio político.

“A Constituição foi, é e deve ser o comando para ampliar e não restringir o Brasil”, afirma.

Os ministros do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes e Luís Roberto Barroso participaram da posse.

“Joaquim é um pensador do Brasil, um homem que tem uma visão aguda da realidade brasileira. Nos últimos tempos ele tem se dedicado à análise do Poder Judiciário, uma análise crítica, às vezes severa, mas sempre construtiva”, diz Barroso.

O futuro ministro da Justiça, Sérgio Moro, também esteve presente. João Roberto Marinho, vice-presidente do Grupo Globo, acompanhou a cerimônia.

Joaquim Falcão dirigiu a Fundação Roberto Marinho a partir da década de 90. Ajudou a criar o Telecurso 2000, o Globo Ecologia e o Canal Futura. Na sexta-feira, ele recebeu o colar, a espada e o diploma de acadêmico.

“Eu estava com o tema certo, no momento certo. E o tema é o tema da democracia. É o tema que o Brasil está querendo, reconstruindo e eu quero focar nesse tema”, afirma Joaquim Falcão.

Joaquim Falcão

Joaquim Falcão. Copyright © 2018
Todos os direitos reservados